O Grupo

Líder mundial em gestão de estacionamento e mobilidade individual, a serviço das Cidades Inteligentes de amanhã. As atividades do grupo reúnem várias especialidades: estacionamentos privados e serviços associados, vagas de rua, mobilidade individual, serviços digitais e entre outros.

A Indigo financia e gerencia soluções de estacionamento personalizadas e cada vez mais inteligentes, que viabilizam uma jornada tranquila e integrada para o cliente.

“A Indigo é focada na mobilidade desde o início. Sem estacionamento, não há mobilidade, e, sem mobilidade, o desenvolvimento de áreas urbanas é impossível.

Estamos investindo fortemente no desenvolvimento de novas formas de mobilidade individual e de serviços digitais, que serão implantados em nossos estacionamentos on e off-street tanto na França quanto nos demais países em que atuamos.

Nossa presença em vários continentes nos permite testar a adaptabilidade de nossas inovações e enriquecê-las com a experiência adquirida na prática “.

Serge Clémente, Presidente da Indigo Group

+5.440

estacionamentos

+750

cidades

+2.4m

vagas

2 130 km

em vagas públicas

11

países

+23,000

colaboradores

Desenvolvemos soluções sob medida em todos os segmentos de clientes (cidades, aeroportos, hospitais, shopping centers, estações de trem, espaços de lazer e eventos, universidades, etc.).

Desde a construção de estacionamentos off-street até as inovações das cidades inteligentes, nos mantemos à frente das tendências para tornar a mobilidade urbana uma realidade adaptada para enfrentar os desafios do futuro.

Para atender às necessidades de cada pessoa e enfrentar os desafios das cidades, fornecemos soluções inovadoras que complementam o uso do carro: bicicletas compartilhadas, scooters elétricas, entre outros serviços.

Nossa História

1960 – 2000 2001 – 2014 2015 – 2017 DEPOIS DE 2017

Organizando estacionamentos

Diante da crescente necessidade de estacionamentos nas cidades, a Indigo, conhecida como GTM na época, inaugurou seu primeiro estacionamento no modelo de concessão em 1964, sob a Esplanade des Invalides. Seguido por Georges V, Malesherbes-Anjou e muito mais.
Paris tornou-se o laboratório de inovação da Indigo. Com o desenvolvimento de estacionamentos on e off-street, os sistemas de pedágio foram automatizados e as opções de pagamento eletrônico foram introduzidas. Através do uso do Carte Bleue (um sistema de pagamento por cartão de débito amplamente utilizado na França), a GTM e a Sogeparc exportaram seus conhecimentos em todo o mundo.

Oferecendo mais que um espaço de estacionamento

O estacionamento, outrora um espaço de uso único, tornou-se um local que oferecia uma variedade de serviços. Com serviços de mobilidade individual, empréstimos de guarda-chuvas, bicicletas e sacolas de compras, o estacionamento do século XXI tomou forma e se tornou um elo para a mobilidade urbana. Em 2001, a GTM e a Sogeparc se uniram para criar o VINCI Park, que contava com o básico (qualidade, segurança e atendimento ao cliente) para atrair usuários.

A era digital

Em 2015, a VINCI Park tornou-se Indigo e posicionou-se como uma participante chave na gestão de estacionamento e na mobilidade individual com um novo serviço digital.

Como em outros setores de consumo, a experiência do cliente evoluía para mais liberdade, mais escolha e mais personalização. A Indigo lançou a OPnGO, o único aplicativo que oferece ao motorista uma experiência completa de estacionamento, incluindo pesquisa de rotas, localização do melhor espaço com o melhor preço e a melhor e mais eficiente jornada do cliente.

Um novo serviço de bicicletas compartilhado com a INDIGO® weel

Entre o aumento da urbanização e as mudanças nos hábitos das pessoas, os meios de transporte estão mudando e, com eles, os hábitos dos consumidores em termos de mobilidade urbana. Nesta transição, as bicicletas desempenham um papel essencial nas viagens dentro da cidade. Para enfrentar esses desafios, a Indigo continua a implantar bicicletas de autoatendimento compartilhadas, sem estações de acoplamento.

Liderenças

Serge Clémente

Presidente da Indigo

Serge Clémente

Presidente da Indigo

Nascido em 1960, Serge Clémente graduou-se na Escola Nacional de Artes e Ofícios (ENSAM) e em um DESS do Instituto de Administração de Empresas (IAE Paris, França). Depois de iniciar sua carreira como engenheiro de negócios em uma subsidiária da ALCATEL (1983-1985), ocupou vários cargos de 1985 a 1995 como gerente de subsidiária, particularmente no Marrocos como Secretário Geral da Sopharma Maroc (Grupo Sanofi-Synthelabo), em seguida, para a Gerência Geral da CEGELEC.

Em 1995, Serge Clémente juntou-se à ALSTOM Contracting para se tornar, em 1999, vice-gerente geral responsável pela área de Ile-de-France / Greater West.

Em 2000, ele criou o FACEO Facility Management, onde ocupou os cargos de Presidente do Conselho Executivo e Diretor Executivo, que ele vendeu para a VINCI em 2011.

Serge Clémente ingressou na VINCI Park em setembro de 2011 como vice-presidente executivo. Em 2014, tornou-se diretor executivo e presidente da diretoria executiva.

Ele liderou o lançamento da Indigo em novembro de 2015.

Sébastien Fraisse

Vice-Presidente Executivo e Diretor França

Sébastien Fraisse

Vice-Presidente Executivo e Diretor França

Nascido em 1972, Sébastien Fraisse é graduado pela École Polytechnique e École Nationale des Ponts et Chaussées. Ele começou sua carreira no Ministério de Equipamentos como Chefe de Obra Principal em Moselle (1998-2001), responsável por estudos e realização de projetos rodoviários.

Em 2001, ele se juntou a Autoroutes du Sud de França (ASF), onde ocupou o cargo de Diretor Regional Adjunto de Provence-Camargue, e logo após Diretor Regional do Atlântico Oeste. Em 2006, a ASF se juntou ao Grupo VINCI e ele foi nomeado Diretor de Projetos responsável pelas sinergias nas concessões da VINCI. Ele então reintegrou a ASF para assumir a operação: em primeiro lugar, os suportes da rede do Sudeste até 2010, quando foi nomeado vice-gerente geral.

Em outubro de 2012, ele deixou o VINCI Autoroutes para a VINCI Park, onde se tornou vice-presidente executivo da França: ele é responsável por liderar o desenvolvimento e a operação da rede francesa.

Desde junho de 2014, Sébastien Fraisse é membro do Conselho de Administração da VINCI Park, que se tornou Indigo em 2015.

Stéphane de Barros

Diretor Jurídico e de Seguros

Stéphane de Barros

Diretor Jurídico e de Seguros

Nascido em 1965, Stéphane é formado por dois DESS em direito da construção e autoridades locais das Universidades de Paris I e Paris XII (França).

Ele iniciou sua carreira em 1991 como advogado na Campenon Bernard, uma subsidiária da VINCI. De 1994 a 2000, ele continuou sua carreira na VINCI como advogado na equipe de Concessões e depois como Gerente Jurídico. Participou nomeadamente da saída da VINCI do grupo VIVENDI, depois da oferta pública para a SOGEPARC em 1999 e da oferta pública de permuta no GROUPE GTM em 2000. Segue-se a consolidação da SOGEPARC e da PARCS. GTM para criar a VINCI Park.

Desde 2001, ele é Diretor Jurídico e de Seguros do VINCI Park, que se tornou Indigo em 2015.

Wilfried Thierry

Diretor América do Norte

Wilfried Thierry

Diretor América do Norte

Depois de obter uma licenciatura em construção e engenharia civil pela Escola Nacional de Engenheiros de Saint-Etienne, Wilfried juntou-se ao VINCI Park em 2002 em Londres como Gerente de Desenvolvimento de Negócios da subsidiária britânica. Ele retornou a Paris em 2005 como Diretor Internacional, concentrando-se principalmente no desenvolvimento da América do Norte e da Europa Central, antes de voar para os Estados Unidos em 2010 como vice-presidente sênior responsável pelas operações de estacionamento LAZ.

Ele retornou a Paris em 2012 e assumiu as atividades europeias do grupo, supervisionando operações, aquisições e desenvolvimento de negócios em oito países europeus. Em outubro de 2014, Wilfried foi nomeado Diretor da América do Norte e Reino Unido, pelo qual ele tem responsabilidades semelhantes.

Loïc Delcroix

Diretor Ibérico e América do Sul

Loïc Delcroix

Diretor Ibérico e América do Sul

Nascido na França em 1973, Loïc Delcroix formou-se nos Hautes Études de l’Ingénieur (IES) em Lille (França). Ingressou na Indigo em 1999 como engenheiro de negócios na gestão internacional em Paris e participou do desenvolvimento de sua filial chilena e revenda em 2005. Em 2006, tornou-se diretor das áreas responsáveis pela Rússia, Bélgica, Espanha, Suíça e Luxemburgo.

Ele se mudou para Madrid em 2011 e assumiu a gestão da subsidiária espanhola da Indigo. Em setembro de 2014, ele foi nomeado, além de suas funções na Espanha, diretor da zona Europa. Em 2018, ele se tornou diretor da zona do IBAS, incluindo a Espanha e a América do Sul.

Loïc Delcroix é membro da APM (Association for Management Progress) em Madri desde 2011.

Thomas Bimson

Diretor da Europa Central

Thomas Bimson

Diretor da Europa Central

De origem belga e nascido em 1971, Thomas Bimson é engenheiro comercial de formação e também bacharel em filosofia (Universidade Católica de Louvain, 1994). Depois de várias posições comerciais e gerenciais no grupo PetroFina (grupo Total), ingressou no setor de estacionamentos em 2000 na CityParking como gerente de vendas, que desenvolveu primeiro na Bélgica e na Noruega. Promovido Presidente e CEO em 2004, ele continuou o desenvolvimento da empresa e apoiou três mudanças de acionistas. Thomas ingressou na Indigo em 2008 como Gerente Geral da Bélgica, uma subsidiária que ele vem desenvolvendo com sua equipe há 10 anos. Desde janeiro de 2018, além de suas funções na Bélgica, Thomas foi nomeado diretor da Europa Central.

Thomas é ativo em várias associações e conselheiro.

Paul Valencia

Diretor de Mobilidade e Soluções Digitais

Paul Valencia

Diretor de Mobilidade e Soluções Digitais

Nascido no México em 1979, Paul Valencia se formou na Escola Nacional de Engenheiros de Saint-Etienne e na London Business School, em Londres.

Ele começou sua carreira como engenheiro de construção em canteiros de obras na Espanha e na França. Em 2005, ele se juntou à VINCI Park em Londres como chefe de desenvolvimento com a missão principal, para desenvolver as concessões de negócios no mercado do Reino Unido.

Em 2010, ingressou na VINCI Concessions no Departamento de Desenvolvimento, onde trabalhou no desenvolvimento de vários projetos de infraestrutura no Grand International.

De volta à VINCI Park em 2012, ele assumiu o papel de diretor internacional, onde supervisionou as atividades da empresa no Brasil, na Rússia e no Catar e expandiu para novos mercados em crescimento, como a América Latina e Ásia. Paul Valencia então assumiu as novas ofertas de mobilidade da Indigo e lançou o INDIGO weel em dezembro de 2017 em Metz, depois em muitas cidades na França e na Europa. Em janeiro de 2018, ele assumiu a supervisão da OPnGO, a solução de reserva de estacionamento digital.

Benjamin Voron

DIRETOR DE COMUNICAÇÃO

Benjamin Voron

DIRETOR DE COMUNICAÇÃO

Nascido em 1976, Benjamin Voron possui um mestrado em Direito Social (Paris I) e um diploma da CELSA.

Ele iniciou sua carreira na SAUR, subsidiária ambiental do grupo Bouygues, onde assumiu a comunicação da Pole Propreté. Em 2005, ele se juntou à holding do grupo Saur e ajudou na transformação da empresa como parte de uma LBO. Em 2008, tornou-se o Gerente de Comunicação do Grupo com os principais objetivos de definir uma estratégia de Comunicação Corporativa, criando uma nova cultura corporativa e levando comunicadores na França e internacionalmente.

Em 2011, tornou-se diretor de consultoria na Public-Hopscotch Communication Agency.

Ele entrou para o VINCI Park em 2013 como Diretor de Comunicação. Em particular, liderou o projeto de mudança de identidade INDIGO e garantiu sua implantação em todos os países e subsidiárias do Grupo.

Paralelamente à sua carreira profissional, Benjamin Voron também realizou uma turnê mundial de bicicleta (1998-1999) e a travessia dos Estados Unidos pela scooter elétrica (2011).

Frédéric Payet

Frédéric Payet ingressou na Crédit Agricole Assurances em 2015, onde esteve envolvido em investimentos diretos do grupo em diversos setores, incluindo infraestrutura.

Antes de entrar para a Crédit Agricole Assurances, Frédéric trabalhou na área de investment banking no Credit Suisse e no Rothschild & Cie, prestando consultoria em fusões e aquisições para empresas internacionais e patrocinadores de diversos setores (utilidades, petróleo e gás, telecomunicações, transporte e saúde).

Frédéric é graduado pela ParisTech – École Nationale Supérieure de Techniques Avancées (ENSTA). Ele também tem mestrado em economia (Paris 1 Panthéon-Sorbonne) e em ciências, física fundamental, nível 1 (Paris Sud 11, Orsay).

Frédéric também atua como administrador da Aéroports de Lyon e da Atlandes (concessionária da rodovia A63). Ele ainda representa a Predica no Conselho Fiscal da Dunkerque LNG (como observador).

Frederico Payet é membro do Comitê de Supervisão da Infra Foch Topco, Vice-Presidente do Conselho de Supervisão da Indigo Infra, membro da Auditoria de Riscos, Nomeações e Remunerações e também no comitê de Investimento.

Laurent Fayollas

Laurent ingressou na ARDIAN em 2005 e participou com sucesso do acordo e desenvolvimento de sua atividade de infraestrutura, que desde então cresceu para 7 bilhões de euros em ativos sob gestão, com mais de 25 investimentos em toda a Europa.

Ele desempenhou um papel fundamental nas principais transações (como Indigo, LUTON Airport, HSL Tours-Bordeaux, SANEF, KALLISTA ou SYNERAIL) do portfólio da ARDIAN. Desde 2015, ele também é membro do conselho da KALLISTA.

Antes de ingressar na ARDIAN, trabalhou por 15 anos na CA-CIB e na Credit Lyonnais nas atividades de consultoria em infraestrutura e finanças estruturadas.

Ele tem mais de 25 anos de experiência no campo de infra-estrutura e desenvolveu um conhecimento profundo dos principais participantes da infra-estrutura estratégica e financeira da Europa.

Laurent é membro do Conselho de Supervisão da Indigo Infra, membro do Conselho de Supervisão de sua controladora Infra Foch Topco e membro de seu Comitê de Auditoria e Riscos.

Laurent é graduado na Ecole des Mines.

Gonzague Boutry

Gonzague ingressou na ARDIAN em 2012 como analista, após um estágio em Paris na equipe de infraestrutura. Antes da ARDIAN, ele completou vários estágios na AXA France e na KPMG.

Gonzague é baseado em Paris. Ele é formado pela Arts et Métiers ParisTech Engineering School e pela ESSEC Business School, com mestrado em finanças.

Gonzague é membro do conselho da Infra Foch Topco.

Jean Jacques Dayries

Jean Jacques é formado pela ESTP (Escola Especial de Obras Públicas) (ESTP) e também possui um MBA do Insead.

Ele iniciou sua carreira no Grupo Pechiney em 1980 como vice-presidente da PECHINEY Asia-Pacific. Em 1988, ele se juntou à Compagnie de Suez como diretor.

Em 1994, ingressou no Crédit Lyonnais Group, onde se tornou Diretor-Presidente responsável pelas atividades de banco de investimento e financiamento imobiliário.

Em 2003, tornou-se CEO e membro do conselho da empresa de investimentos AEW Europe, responsável por um portfólio diversificado de imóveis (escritórios, varejo e logística) de € 17 bilhões.

Ele é agora presidente da Rivoli Avenir Patrimoine (€ 2 bilhões de ativos imobiliários); Presidente da Photofort SAS e Sylvofort GF, Membro do Conselho da Batilogistic (ativos totais de mais de 1 milhão de metros quadrados na Europa, Rússia e Brasil), Diretor da SAGAT e GESAC (aeroportos de Turim e Nápoles) e membro do Conselho Consultivo da MK2 .

Jean Jacques DAYRIES é vice-presidente do Conselho Fiscal da Indigo Infra, membro do Conselho de Supervisão da sua controladora Infra Foch Topco, presidente do seu Comitê de Auditoria e Riscos e membro do Comitê de Remuneração e Nomeação da Indigo Infra.

Jean Jacques Dayries é observador no Conselho de Supervisão da Indigo Infra e participa do Comitê de Auditoria e Riscos.

Jérôme Janssen

Jérôme Janssen é responsável pelos Investimentos em Infraestrutura no Crédit Agricole Assurances desde 2014.

Formado em Finanças (DESS Paris IX – Dauphine) e em Economia e Gestão (MSG Paris I – Sorbonne), Jérôme Janssen iniciou sua carreira na Allianz, onde foi gerente de projetos de M & A antes de ingressar no departamento de Finanças Corporativas do Crédit Agricole Assurances em 2010.

Jérôme é administrador da CLH, da Atlandes (autoestrada A63) e da Aéroports de Lyon, e membro do conselho de supervisão da TDF, Téréga e Pisto.

Jérôme é membro do Conselho de Supervisão da Indigo Infra e membro do Conselho Fiscal da sua empresa-mãe Infra Foch Topco.

Michel Bleitrach

Michel Bleitrach é graduado pela Ecole Polytechnique (1965) e Ecole Nationale des Ponts et Chaussées. Ele também é bacharel em economia e mestre em administração de empresas pela Berkeley University, na Califórnia.

Ele começou sua carreira como Engenheiro de Projetos de Infraestrutura para o grupo BECHTEL e depois se juntou ao Ministério de Infraestrutura da França, onde gerenciou vários programas, como a privatização de rodovias ou grandes projetos de desenvolvimento.

Ele continuou sua carreira como Diretor Administrativo de subsidiárias de serviços de energia na ELF AQUITÂNIA (exploração de produção, desenvolvimento industrial e químico) antes de dirigir o Grupo Priam (BP / LYONNAISE DES EAUX) em 1992, depois ELYO (criado a partir da fusão entre a Ufiner-Cofreth e a divisão Priam – Suez Energy) em 1995.

Em 2000, tornou-se Chief Executive Officer (CEO) da SUEZ Industrial Solutions, permanecendo CEO da ELYO, antes de se tornar Presidente do Conselho Executivo da KEOLIS em 2004, então Presidente da HIME, controladora do Grupo SAUR, em 2012 e 2013.

Michel é membro do conselho de administração da SPIE S.A., SOCOTEC, ALBIOMA e membro do Conselho de Supervisão da JC DECAUX.

Ele também preside o Conselho de Supervisão da Indigo Infra desde 2014.

Mathias Burghardt

Mathias Burghardt é o chefe da atividade de infraestrutura da ARDIAN e membro de seu Comitê Executivo. Ele ingressou na ARDIAN em 2005 e fundou sua atividade de infraestrutura. Mathias tem mais de 25 anos de experiência nos setores de infraestrutura e energia.

Mathias é ou tem sido membro do conselho de várias empresas-chave do portfólio, incluindo a SANEF, 2i Rete Gas e Companias Logistica de Hidrocarburos (na qual também é Presidente do Comitê de Remuneração).

Anteriormente, ele se juntou ao Grupo AXA para criar e liderar sua atividade de investimento em infraestrutura após ter gerenciado a equipe de consultoria em finanças de projetos do HSBC na França.

Ele iniciou sua carreira em 1989 na equipe da Credit Lyonnais Media & Telecom.

Mathias desenvolveu extensas relações com os patrocinadores industriais e financeiros da infraestrutura europeia, autoridades públicas e reguladores.

Mathias é membro do Conselho de Supervisão da Indigo Infra e Presidente do Comitê de Remuneração e Nomeação da Indigo Infra.

Mathias tem cidadania dupla, francesa e argentina e é formado pela École Supérieure de Commerce de Paris (ESCP) com especialização em Finanças.

Magali Chesse

Magali Chessé é Chefe de Estratégias de Investimento em Ações do Crédit Agricole Assurances desde 2010.

Magali Chessé é formada em economia e gestão (Universidades de Estrasburgo e Paris – Dauphine) e da Société Française des Analystes Financiers. Magali Chessé iniciou sua carreira em private equity em 1999 (capital de risco / capital de desenvolvimento).

Ela era diretora de investimentos do Crédit Agricole Private Equity antes de se juntar à Predica, onde era responsável por gerenciar e monitorar as classes de patrimônio, private equity e ativos de infraestrutura.

A Magali Chessé é administradora da RGDS, da empresa imobiliária Frey, do centro aeroportuário 2i Aeroporti e membro do Conselho de Supervisão da Elis.

Ela também representa a Predica no Conselho de Administração da Siparex Associés (censora) e no Conselho de Supervisão da Tivana France Holdings – TDF Group (censor).

Magali é membro do Conselho de Supervisão da Indigo Infra.

Magali Chessé é membro do Comitê de Supervisão da Infra Foch Topco, do Conselho de Supervisão da Indigo Infra, da auditoria de riscos e também dos comitês de Nomeações e Remunerações.

Mournir Corm

Vice-PRESIDENTE e Sócio Fundador da Vauban Infrastructure Partners, desempenhou a atividade de Deputy Head de Infraestrutura da Mirova de 2008 até 2019.

Ele tem desenvolvido um extensivo e profundo conhecimento no mercado de infraestrutura. Durante o curso de sua carreira, Mounir trabalhou em mais de 2 bilhões de euros de investimentos em ações de uma série de ativos de infraestrutura no núcleo europeu e estava ativamente envolvido no desenvolvimento e captação de recursos de novos fundos, ajudando a desenvolver o crescimento europeu do negócio, bem como sua base internacional de clientes. Ele liderou as estratégias de origem e execução de negócios da equipe.

Anteriormente, trabalhou em consultoria do setor público na PriceWaterhouseCoopers, em Paris.
Ele é formado pela Sciences-Po Paris e HEC.
Mournir Corm é membro ativo do IFA (French Institute os Board of Directors) e membro de várias empresas europeias no setor de infraestrutura, incluindo Oslofjord Värme na Noruega, Alis (concessionária da rodovia A28), OcVia (a empresa titular do contrato de parceria público-privada para a linha de alta velocidade entre Nîmes e Montpellier) e Arema (infra-estrutura social) na França.

Mounir Corm é membro do Comitê de Supervisão da Infra Foch Topco, Vice-Presidente do Conselho de Supervisão da Indigo Infra e membro das comissões de Auditoria e Risco, Nomeações e Remunerações, e de Investimentos.

Romain Uthurriague

Romain ingressou na MIROVA em 2010, onde é Diretor de Investimentos. Participou com êxito do desenvolvimento de sua atividade em Infraestrutura e desempenhou um papel fundamental nas principais transações da Mirova, como a Indigo Group, o Metro de Málaga e o refinanciamento da Alis (concessionária da rodovia A28 na França).

Antes de ingressar no MIROVA, Romain iniciou sua carreira na Natixis na área de Projetos Financeiros. Ele se formou na Ecole Supérieure d’Electronique de Paris e na EM Lyon.

Romain é notavelmente membro do conselho da Alis.

Romain Uthurriague é membro do Conselho de Supervisão da Indigo Infra e do Comitê de Investimento.

Christoph Stagl

Christoph ingressou na MEAG em 2018 e é Gerente Sênior de Investimentos da equipe Illiquid Assets Equity, com foco em investimentos em infraestrutura. Antes de ingressar na MEAG, Christoph foi Gerente no Macquarie Group em Londres e Analista de Banco de Investimento na RBS em Frankfurt.

Christoph se formou na Universidade de Economia e Negócios de Viena e na London School of Economics e possui mestrado e bacharelado.

Christoph Stagl is member of the Supervisory committee of Infra Foch TopCo, Vice-Chairman of the Supervisory Board of Indigo Infra and member of the Audit and Risks, Nominations and Remunerations as well as investments committees.

ÉDOUARD RISSO

DIRETOR FINANCEIRO

ÉDOUARD RISSO

DIRETOR FINANCEIRO

Nascido em 1986, Edouard Risso é graduado pela University of Paris Dauphine e possui um Mestrado em Finanças pela ESCP. Ele iniciou sua carreira na Crédit Agricole em finanças estruturadas (projeto & imóveis). Passou um ano em Atenas, no financiamento de projetos da subsidiária Emporiki Bank. Em 2010, juntou-se à Rothschild & Cie na equipe de Assessoria de Dívidas.

Em janeiro de 2012, juntou-se a Indigo como Analista Financeiro. No início de 2014, foi nomeado como Head de Financiamento & Tesouro do grupo. Em janeiro de 2018, tornou-se Diretor Financeiro na matriz francesa.

Desde março 2020, Edouard Risso tem sido o Diretor Financeiro do Grupo Indigo.

Governança

Infra Foch Topco

A Infra Foch TopCo S.A.S detém 99,77% do Grupo Indigo S.A.S, o restante é mantido por um fundo de participação de investimento dos funcionários.

Senhor Serge CLÉMENTE, que ingressou na VINCI Park em setembro de 2011, é o presidente da Infra Foch Topco desde junho de 2014.

A Infra Foch Topco, que também é uma sociedade anônima simplificada francesa, tem um Comitê fiscal composto por quatro membros, a maioria no cargo desde 2014:

Infra Foch Topco detém direta e indiretamente 49.14% por Crédit Agricole Assurances através de sua subsidiária Predica, 32.91% por Vauban Infrastructure Partners, 14.24% por MEAG, 0.50% por Infra Foch Topco ela mesma sob a forma de ações de tesouraria, o restante detido pela administração do Grupo.

 

Indigo Group S.A.S

O Indigo Group (anteriormente conhecido como Infra Park), uma sociedade anônima simplificada francesa (société par actions simplifiée), é presidido por Serge CLÉMENTE desde junho de 2014, quando adquiriu 100% da Indigo Infra (anteriormente conhecida como VINCI Park).

 

Indigo Infra

A Indigo Infra, a principal subsidiária do grupo, é uma sociedade anônima francesa com uma Diretoria executiva e um Conselho fiscal (société anonyme à directoire et conseil de surveillance).

Além do presidente, senhor Serge CLEMENTE, o conselho é composto pelo senhor Sébastien FRAISSE, gerente-geral na França.

O Conselho fiscal tem seis membro:

Organização

Os comitês foram criados para auxiliar o trabalho do Comitê fiscal da Infra Foch Topco e do Conselho fiscal da Indigo Infra:

Nossos acionistas

A participação acionária da Indigo Group S.A.S.
Sobre Crédit Agricole Assurances
Sobre Vauban Infrastructure Partners
Sobre MEAG

A Indigo Group S.A.S. (anteriormente conhecido como Infra Park) possui 100% do capital da Indigo Infra S.A. (anteriormente conhecido como VINCI Park S.A.). A Infra Foch TopCo S.A.S detém 99,77% do Grupo Indigo S.A.S, o restante é mantido por um fundo de participação de investimento dos funcionários.

Infra Foch Topco detém direta e indiretamente 47,52% por Crédit Agricole Assurances através de sua subsidiária Predica, 33,17% por Vauban Infrastructure Partners, 14.36% por MEAG, 0.50% por Infra Foch Topco ela mesma sob a forma de ações de tesouraria, o restante detido pela administração do Grupo.

O Crédit Agricole Assurances é a principal seguradora da França e reúne as subsidiárias de seguros do Crédit Agricole, incluindo Predica. Oferece uma gama de produtos e serviços que abrangem poupança, aposentadoria, saúde, proteção pessoal e seguros patrimoniais, distribuídos pelos bancos Crédit Agricole Group na França e por consultores de patrimônio e agentes gerais em 9 países diferentes. As empresas Crédit Agricole Assurances atendem clientes individuais, profissionais, agricultores e empresas. O Crédit Agricole Assurances emprega 4.600 pessoas e gerou receita de € 33,5 bilhões em 2018 (normas IFRS).

www.ca-assurances.com

Vauban Infrastructure Partners é um dos líderes em gerenciamento de ativos de infraestrutura focado no mercado europeu de investimentos em infraestrutura.
Com sede em Paris & Luxemburgo, emprega 35 profissionais, que estão trabalhando juntos há uma década. A Vauban visa, predominantemente, investimentos sustentáveis no mercado intermediário, buscando um rendimento de longo prazo, produzido por uma estratégia que combina a natureza subjacente dos ativos e o compromisso de longo prazo com todos os interesses dos acionistas, através de um forte foco em criação de valor sustentável. Vauban levantou €3.0 bilhões em 5 fundos de infraestrutura de mais de 40 investidores em 10 países diferentes; e realizou mais de 50 investimentos em transporte, utilitários, infraestrutura social & digital em 8 locais diferentes.

vauban-ip.com

MEAG é uma empresa da Munich Re e gerente de ativos da Munich Re e ERGO, também oferecendo uma vasta experiência a clientes privados e terceiros. Na Europa, América do Norte e Ásia, MEAG gerencia investimentos totais avaliados em 270 bilhões de euros. Desde 2009, MEAG tem construído um forte e diversificado portolio de ações e dívidas de infraestrutura, com equipes situadas em Munique e na cidade de Nova York.

www.meag.comwww.meag.com

Indigo pelo mundo